1 de setembro de 2011

MANTENDO O IDOSO ATIVO.



O processo de envelhecimento é algo presente na vida humana, sendo universal, inevitável e multifatorial ( ACSM, 2000).

O aumento da expectativa de vida fez acender o interesse pelas questões relacionadas ao envelhecimento.

O envelhecimento é, sem dúvida, um processo biológico cujas alterações determinam mudanças estruturais no corpo e, em decorrência,modificam suas funções ( OKUMA,2002).
Essas mudanças também acabam afetando os componentes psicológicos e sociais, levando, muitas vezes, o idoso a uma perda considerável da sua autonomia e independência.

As pesquisas tem demonstrado que a atividade física é, sem sombra de dúvidas,o melhor meio de prevenção de doenças crônico-degenerativas que acometem o idoso, ao mesmo tempo que contribui nos aspectos psicológicos ( aumento da autoestima, da motivação,entre outros) e também nos aspectos sociais ( torna-se mais sociável, ocupação saudável do tempo livre).
Para que as pessoas idosas pratiquem atividade física regularmente, elas devem ter conhecimento sobre os seus benefícios, desenvolver e superar vícios e comportamentos inadequados e desenvolver comportamentos propícios à prática.

Contudo, antes do início do programa de atividade física, é importante uma avaliação geriátrica, avaliação funcional, anamnese, teste de esforço, avaliação de aptidão física e uma avaliação nutricional.Um equipe multidisciplinar para avaliar este idoso.

Alguns fatores são básicos para a elaboração de um programa de atividades físicas: modalidade ou tipo de exercício, frequência do exercício, duração, intensidade e progressão.
Temos a possibilidade da realização de alongamentos para melhorar a irrigação sanguínea da musculatura; exercícios respiratórios para estimular a musculatura do diafragma; exercícios metabólicos que melhoram o retorno sanguíneo.Já a ginástica e os exercícios resistidos melhoram a resistência e a força dos músculos. permitindo ao idoso que tenha uma melhor independência para as tarefas do dia-a-dia, além de melhorar o equilíbrio corporal.

O propósito maior da atividade física deve ser a melhora da qualidade de vida, diminuição da ansiedade e do estresse e auxílio a uma longevidade sadia; nunca esquecendo de procurar orientações com um profissional especializado no atendimento a pessoa idosa.

OBSERVAÇÃO: Exercite-se - de qualquer modo, mova-se. Exercite os braços e as pernas.Exercite a mente.Exercite seus sentidos, sua imaginação, sua paciência. seus direitos.
Movimente-se!