4 de janeiro de 2017

EFEITO PREVENTIVO DA FISIOTERAPIA NA REDUÇÃO DE QUEDAS NA PESSOA COM DOENÇA DE ALZHEIMER.






Estudo recentes demonstram que intervenções com programas de exercícios melhoram a função motora e têm sido um importante fator preventivo contra o declínio das atividades de vida diária, risco de quedas, distúrbios e depressão (problemas comumente encontrados em pessoas com doença de alzheimer).
O objetivo do tratamento fisioterapêutico é proporcionar uma maior independência funcional ao paciente, empregando para isso técnicas que visam manter a força muscular, o tônus, além de exercícios capazes de promover maior destreza e funcionalidade durante a execução da marcha e outras atividades associadas à vida do idoso.

Acima Você verá vídeos demostrativos de exercícios aplicados em pacientes com Doença de Alzheimer, sempre adaptando o exercício com as necessidades do paciente e com o que ele consegue realizar.

Artigo de pesquisa: Efeito preventivo da fisioterapia na redução da incidência de quedas em pacientes com Doença de Alzheimer. Ano-2009. 

ENTRE em contato pelo telefone : (41) 99697-8769- FISIOTERAPEUTA RAISSA MOREIRA