14 de janeiro de 2011

A IMPORTÂNCIA DO CUIDADOR.


O familiar cuidador é a pessoa mais importante na vida de um portador da DA. Esse cuidador será o elo de ligação do doente com a vida, a figura principal entre o médico e o paciente. Ele será o responsável pelo seu bem-estar, e sua qualidade de vida. O cuidador terá que ter sensiblidade para “sentir” pelo doente: frio, calor, fome, desconforto, sono, dor, o momento de atender às suas necessidades fisiológicas e ter a percepção para dizer o que ele “quer ouvir”.

A responsabilidade do cuidador exige que ele lute sempre para proporcionar ao doente o melhor , isto sem desespero se a sua meta não for totalmente atingida.

Em tudo, o cuidador imprimirá a marca do amor, somente ele há de permanecer para sempre. Sem ele, é impossível suportar sem desistir.

Cuidar de uma pessoa com DA é um teste de AMOR e um exercício de PACIÊNCIA. Esse cuidar requer amor maternal, protetor e acolhedor.