4 de maio de 2013

A IMPORTÂNCIA DO EXERCÍCIO FÍSICO NO IDOSO DIABÉTICO.



 
O diabetes é uma doença comum com perigosas consequências para a saúde dos idosos. É uma doença que mais incapacitam os idosos no mundo. O aumento dessa doença deve-se principalmente à obesidade, diminuição da atividade física e ao aumento da expectativa de vida da população.
O termo diabetes envolve um grupo heterogêneo de distúrbios metabólicos, que tem etiologias diversas, mas apresenta em comum o aumento crônico de glicose.
A prática regular de exercícios físicos é uma modalidade essencial no tratamento dessa doença. Da mesmo forma, tem sido recomendada a associação entre os exercícios aeróbios e resistidos com cargas baixas. Esse tipo de associação colabora para o aumento da capacidade cardiorrespiratória, da força e resistência muscular, as quais são necessárias para uma melhor qualidade de vida, facilitando a execução das atividades da vida diária, além de contribuir para o controle da glicose no sangue.
Com isso pode-se observar que o idoso diabético pode ser beneficiado com a prática regular de exercícios físicos.
Fica a recomendação final para que os idosos acumulem 30 minutos de atividade moderada na maioria dos dias da semana.
 
 
IMPORTANTE: SEMPRE NA REALIZAÇÃO DE ALGUMA MODALIDADE DE ATIVIDADE FÍSICA TER A SUPERVISÃO DE UM PROFISSIONAL HABILITADO E QUALIFICADO NO CUIDADO COM A POPULAÇÃO IDOSA.
 
 
 
 
 
FONTE: LIVRO-DOENÇAS GERIÁTRICAS E EXERCÍCIOS FÍSICOS -PUCRS